Série invicta da defesa do Palmeiras começa por boa fase de Weverton

author
1 minute, 29 seconds Read

A sequência de sete jogos sem sofrer gols do Palmeiras começa obviamente pela boa fase do goleiro Weverton. Depois de superar a dura concorrência com Jailson e Fernando Prass, o ex-jogador do Atlético Paranaense tem um mês de titularidade no clube.

Nesse período, ele contou com a solidez do sistema defensivo para igualar um recorde de 1992. A ação dos volantes (Felipe Melo e Thiago Santos) na proteção à zaga e na cobertura dos laterais é um dos diferenciais da defesa. Foram cinco partidas sob o comando de Luiz Felipe Scolari e mais uma com Paulo Turra, auxiliar de Felipão, e outra com o interino Wesley Carvalho.

Além de celebrar a invencibilidade e a titularidade, Weverton também comemora os dois anos da conquista do ouro olímpico nos Jogos do Rio, o título que mudou sua vida. “Com certeza mudou a história da minha vida no futebol, e o país começou a me conhecer melhor e isso me fez chegar até aqui”, afirmou o goleiro.

Nos Jogos do Rio, Weverton ainda defendia o time paranaense. Ele foi convocado para substituir Fernando Prass, que havia se lesionado. Hoje, ele é titular e o veterano, o reserva. Na final diante da Alemanha, Weverton foi decisivo na disputa por pênaltis. “Se hoje estou vivendo esse momento especial no Palmeiras, a conquista do ouro pela Seleção foi muito importante e especial em minha vida. Eu estou muito feliz por isso”.

A última série de oito jogos sem sofrer gols do Palmeiras foi em 1965 e pode ser igualada nesta quarta-feira, em duelo contra o Botafogo, no Allianz Parque, pelo Campeonato Brasileiro. O time ainda possui duas sequências de nove jogos (1969 e 1973) e uma de 12 jogos (em 1987) sem ser vazado.

Similar Posts

%d bloggers like this: