Ligue-se a nós
[adrotate group="1"]

Destaques

Santa Casa de Votuporanga: 70 anos de saúde

Instituição celebra aniversário, com muita gratidão pela sua história e por cada conquista

Nesta quinta-feira (16/4), a Santa Casa de Votuporanga comemora 70 anos de inauguração. Uma data marcante, especial em um momento tão desafiador para a saúde pública. Em época em que festas, abraços são evitados, a Instituição celebra a vida!

Afinal, cada paciente curado representa muito para a entidade. Cada colaborador, cada médico, prestador de serviço que fez e faz parte de nossa história. “Fazemos questão de comemorar cada ano de inauguração da Santa Casa. É comum celebrarmos ao lado de nossos amigos e familiares e o aniversário da nossa Instituição tem um significado maior, a cada ano, salvamos e cuidamos de muitas pessoas”, afirmou o provedor Luiz Fernando Góes Liévana.

Não faltam motivos para celebrar este grande dia! A Santa Casa se tornou um grande complexo, referência para o Brasil em atendimento. Desde 2014, é considerada pelo Governo do Estado de São Paulo, como um Hospital Estruturante, ampliando a quantidade de cidades atendidas. São 1.073 funcionários que se dedicam à cuidar do paciente com o melhor de cada um, além de 300 médicos.

São oferecidas mais de 30 especialidades médicas garantindo assistência abrangente: Anatomia Patológica, Anestesiologia, Cardiologia, Cardiologia Intervencionista, Clínica Médica, Cirurgia Geral, Cirurgia Cardíaca (referência na área), Cirurgia Pediátrica, Cirurgia Plástica, Cirurgia Torácica, Cirurgia Vascular, Dermatologia, Endoscopia, Gastroenterologia, Ginecologia/Obstetrícia, Hemoterapia, Infectologia, Medicina Nuclear, Nefrologia, Neonatologia, Neurologia clínica, Neurologia Pediatra, Ortopedia, Otorrinolaringologia, Oftalmologia, Pediatria, Pneumologista, Psiquiatria, Radiologia, Radiologia Intervencionista, Reumatologia, Terapia Intensiva e Urologia.

Em todo o complexo formado por três Ambulatórios Médicos de Especialidades (AMEs) de Votuporanga – primeira unidade do Estado, Jales e Santa Fé do Sul; Núcleo de Atenção à Saúde; Farmácia de Alto Custo e SanSaúde, são mais de 2,287 milhões de atendimentos.

Somente no ano passado, foram 972.074 atendimentos e exames no ano passado, entre convênios, particulares e Sistema Único de Saúde (SUS), além de 10.856 cirurgias. As internações somaram 13.368 em 2019. Já o número de consultas ambulatoriais ultrapassou 86 mil. Nosso serviço de urgência e emergência contabilizou          78.677 assistências. “Nossa área de abrangência corresponde a 500 mil habitantes, o que aumenta ainda mais nossa credibilidade”, complementou o provedor.

E se estamos falando de vida, destaque para a quantidade de nascimentos no Hospital. Foram realizados 1.815 partos no ano passado, sendo que 1.278 via SUS.

E qual desejo para o aniversariante é muito comum: Saúde. Com o serviço de captação de órgãos, 553 doadores levaram esperança para aqueles que mais necessitavam. Nosso tratamento dialítico beneficia 293 pacientes em três turnos.

Para se ter uma noção da grandiosidade do Hospital, são lavadas 1,2 tonelada de roupas por dia. O Serviço de Nutrição e Dietética, responsável pela alimentação de pacientes e acompanhantes, produz 1.743 refeições diárias. São 210 mil copos descartáveis utilizados mensalmente pela Instituição.

O provedor ressaltou que a Instituição valoriza cada etapa, conquista e investimento. “Apesar do atendimento de 70% via SUS, conseguimos investir, qualificar, sempre com muita eficiência de gestão e transparência e graças à credibilidade que conquistamos. A confiança que a população deposita em nosso trabalho nos possibilita com atendimento privado, particular, através das operadoras de planos de saúde, principalmente do SanSaúde, gerenciar nosso orçamento com muita seriedade”, destacou.

Para os próximos anos, Luiz Fernando reafirmou o compromisso com a humanização e a busca pelo amadurecimento da gestão. “Vamos fazer da nossa Santa Casa um modelo de eficiência. Avançar em novos processos, rever nossas rotinas, implantar protocolos clínicos, enfim, melhorar todas as áreas e serviços que ofertamos para a nossa população. Nosso objetivo é alcançar a excelência. A proposta é amadurecer, profissionalizar ainda mais a gestão desse grande Complexo de Saúde que se tornou a Santa Casa de Votuporanga”, reforçou.

Segundo o provedor, a data festiva é de gratidão. “Os desafios são diários e em momentos como esse aproveitamos para expressar nosso amor e dedicação às pessoas, nossa gratidão a todos que fazem parte dessa engrenagem e que transmitem em cada gesto, em cada atendimento, em cada procedimento, a expressão maior de amor ao próximo. Nosso muito obrigado a cada um que compõe nossa história!”, ressaltou.

Comemorando sua história

As fotos na galeria central da Santa Casa de Votuporanga revelam um pouco de uma história construída com a força e a união de comunidade e repleta de valores como solidariedade, amor e dedicação. As imagens históricas, os retratos de ex-provedores simbolizam que a Instituição nasceu de um anseio coletivo: saúde e qualidade de vida e que mantém suas raízes firmadas no altruísmo.

Dezesseis de abril de 1950, data de inauguração oficial do Hospital, patrimônio de Votuporanga e região. Para que esta data acontecesse, foi necessária uma força-tarefa, que teve início na década de 40, quando a pedra fundamental foi lançada com o saudoso Dr. Miguel Gerosa, nossa inspiração e orgulho.

Uma grande parcela da comunidade sonhou conosco com esta Instituição. Se envolveu diretamente, doando trabalho, dinheiro, tudo para que o Hospital ganhasse forma. Este projeto foi possível graças a pessoas abnegadas, a frente do seu tempo, que enxergaram a necessidade de serviços de saúde no município.

Nestes 70 anos, foram 15 provedores, voluntários que dedicaram anos de suas vidas trabalhando em prol da assistência à saúde da coletividade. Foram eles, juntamente com a Irmandade, Conselhos, Diretorias Executivas, médicos, colaboradores e voluntários, os responsáveis pelas conquistas obtidas nas últimas sete décadas.

Ex-provedores

1946 – 1948        João Gonçalves Leite

1948 – 1968        Dr Miguel Gerosa

1968 – 1969        Ultimatum Fava

1969 – 1972        Leônidas Pereira de Almeida

1972 – 1974        Walter Eleutério Rodrigues

1975 – 1978        Adolfo de Melo

1979 – 1992        Marão Abdo Alfagali

1993 – 1997        Maurício Alves de Menezes

1997 – 1999        Walter José Trindade

1999 – 2001        Roberto Dias

2001 – 2003        Ideval Geraldo de Freitas

2003 – 2007        Nasser Marão Filho

2007– 2009         Luiz Alberto Mansilha Bressan

2009 – 2013        Luiz Fernando Góes Liévana

2013 – 2015        Valmir Antônio Dornelas

2015 – 2019        Luiz Fernando Góes Liévana

Linha do tempo

Em qualquer aniversário, é o momento de fazermos uma reflexão da trajetória, de onde partimos e o que pretendemos alcançar. Elencamos nossas principais conquistas ao longo destes anos:

1950 – Inauguração da entidade

1954- Implantação dos serviços de Raios-X e Laboratório

1990 – Inauguração do Setor de Hemodiálise

1995 – Criação do SanSaúde

2005 – Inauguração da Medicina Nuclear

– Entrega do Setor de Endoscopia

– Ampliação do Setor de Radiologia, com a implantação da Ressonância Magnética

2006 – Novo Jardim e Capela Ecumênica

– Espaço Unifev/Saúde

– Inauguração daCabine de Energia e Armazenamento de Resíduos de Saúde

2007 – Qualificação como Organização Social da Saúde

– Primeiro contrato de gestão do Ambulatório Médico de Especialidades (AME) Votuporanga

2008 – Início do AME Santa Fé do Sul

– Implantação da Unidade de Pesquisa Clínica (UNIPEC)

2009 – Início do AME Jales

– Credenciamento para a realização de cirurgia cardíaca e procedimentos cardíacos intervencionistas

2010 – Habilitação do Ministério da Educação e Cultura (MEC) para oferecer Pós-Graduação Latu Sensu em Medicina, nas áreas de Clínica Médica, Cirurgia Geral, Ginecologia/Obstetrícia, Pediatria e Radiologia

– Inauguração da Farmácia de Alto Custo

2012 – Unifev cria curso de Medicina em parceria com Santa Casa

– Implantação do serviço de captação de órgãos

2013 – Ambulatório Médico de Especialidades de Votuporanga ampliou os atendimentos e passou a oferecer à população, além de consultas, serviços de apoio diagnóstico e pequenas cirurgias, os exames de tomografia e de ressonância magnética

– Santa Casa de Misericórdia de Votuporanga recebeu como reconhecimento do seu o trabalho, a classificação como Hospital Estruturante, dentre mais 11 entidades do Estado de São Paulo

2014- Equipamentos de ar-condicionado em todos os quartos incluindo do Sistema Único de Saúde (SUS)

– Sede própria do Bazar do Bem

2015 – AMEs de Votuporanga, Jales e Santa Fé do Sul na avaliação do CQH – Compromisso com a Qualidade Hospitalar, estando entre cinco melhores do Estado de São Paulo.

– Lançamento dos sites dos Ambulatórios Médicos de Especialidades (AMEs) Votuporanga, Jales e Santa Fé do Sul

– Inauguração do Ambulatório de Ortopedia

– Regulação do Pronto Socorro, qualificando ainda mais aos atendimentos de pacientes graves

2016 – Implantação do Internato do curso de Medicina

– Readequação física do Pronto Socorro

– Novo espaço para o serviço de Curativos Especializados, salas para pequenos procedimentos, consultórios médicos, recepção e uma entrada exclusiva para visitantes e acompanhantes de pacientes internados pelo SUS

– Ambulatórios Médicos de Especialidades de Votuporanga, Jales e Santa Fé do Sul conquistaram a Certificação em Sistema de Gestão da Qualidade ISO 9001:2008 pela ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas em atendimentos ambulatoriais de consultas, exames e pequenos procedimentos cirúrgicos

2017 – AMEs de Votuporanga, Jales e Santa Fé do Sul conquistam Acreditação ONA – Organização Nacional de Acreditação

– Unidades também foram classificadas na 7ª colocação do ranking Melhores Empresas para Trabalhar – Saúde 4ª Edição divulgado pela Great Place to Work

– Reinauguração da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal

2019 –    Retorno da Neurologia Clínica

– AMEs de Votuporanga, Jales e Santa Fé do Sul conquistam Acreditação ONA – Organização Nacional de Acreditação – Nível 3

– Unidades também foram classificadas na 5ª colocação do ranking Melhores Empresas para Trabalhar – divulgado pela Great Place to Work

– Projeto itinerante Santa Casa na Sua Casa

2020 – Lançamento do novo site da Santa Casa

– Implantação de Pronto Atendimento COVID-19

– UTI exclusiva para COVID-19

Anúncio
Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Destaques

IFSP entrega 200 protetores faciais para Santa Casa

Equipamentos serão utilizados pelos profissionais do Hospital no combate ao COVID-19; iniciativa é do Núcleo de Pesquisa e Ensino em Microfabricação (NUPEM)

 

No Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia São Paulo (IFSP) Câmpus Votuporanga, a rotina mudou com a pandemia do Coronavírus. Em meio às orientações de suspensão das aulas, uma nova corrente surgiu: a solidariedade e da união.

O Núcleo de Pesquisa e Ensino em Microfabricação (NUPEM) tomou a frente de um projeto, que se consolidou em toda a região. Protetores faciais são confeccionados por meio de impressão 3D e injeção em matriz metálica, colaborando no combate ao novo vírus e na segurança dos profissionais de saúde.

O diretor-geral do Câmpus Votuporanga, Marcos Amorielle Furini, explicou sobre a iniciativa. “Em todo o Estado de São Paulo, estamos desde março com diversas ações no combate ao COVID, produzindo protetores faciais, álcool em gel, máscaras de TNT, além de reparação e conserto de respiradores, válvulas e itens hospitalares. Embora as aulas estão suspensas, as atividades de ensino, pesquisa e extensão têm continuado e uma delas se dedicado a ajudar as entidades”, disse.

Marcos contou que a unidade já confeccionou 2.527 protetores, inclusive para outros estados. “Esta iniciativa reforça nossa missão de dar apoio e suporte para arranjos produtivos e sociais regionais. Ao constatar essa necessidade e considerando que é um Instituto de cunho tecnológico, temos professores, servidores focados de maneira voluntária para auxiliar atender essa demanda”, complementou.

Nesta semana, os pesquisadores e professores Cleiton Lazaro Fazolo de Assis e Ricardo Cesar de Carvalho entregaram 200 itens para a Santa Casa de Votuporanga, referência para 53 cidades da região. “Conseguimos envolvimento de todos do Câmpus, além de empresas que nos ajudaram nesta tarefa. Estamos priorizando hospitais, mas também colaboramos com Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), Prefeituras, sempre pensando em quem mais necessita”, disse Cleiton.

Ele agradeceu todos os parceiros. “Desde o início, não faltaram solidariedade e boa vontade. Recebemos doação de materiais e até mesmo transporte. A empresa Implalife Biotecnologia, localizada em Jales, em especial, foi até a capital para buscar itens para a produção gratuitamente. Nosso muito obrigado”, destacou.

O provedor da Santa Casa de Votuporanga, Luiz Fernando Góes Liévana, agradeceu o IFSP. “Acreditamos que somente a educação pode mudar a nossa realidade. O Instituto já está agregando valores como cidadania, solidariedade na formação de seus alunos, utilizando a tecnologia para fazer o bem. Agradecemos em nome de nossos colaboradores, que utilizarão estes protetores. Estes equipamentos refletem em mais segurança aos nossos profissionais”, finalizou.

 

Continuar Lendo

Destaques

Egresso de Pedagogia da UNIFEV desenvolve projeto de contação de histórias online

Transmissões são realizadas no IGTV do Instagram (@quintaldehistorias) e pelo YouTube (Quintal de Histórias), com novos conteúdos a cada semana

Em tempos de isolamento social, o egresso do curso de Pedagogia da UNIFEV Lucas Ramos Martins vem ganhando destaque no universo digital das lives. O pedagogo, formado em 2018, desenvolve um projeto de contação de histórias, intitulado Quintal de Histórias, que é transmitido semanalmente pelas suas redes sociais.

De acordo com Martins, os seus contos que, atualmente, chegam às casas de crianças do Brasil inteiro e de alguns países, como os Estados Unidos e a Dinamarca, iniciaram com a criação da sua página, há dois anos. “Comecei sem a menor pretensão, por um hobbie mesmo, compartilhando dicas de livros. Com o tempo, também passei a receber mensagens de outros educadores, que me pediam por sugestões de livros para determinados temas e faixas etárias. Então, durante a pandemia, percebi que isso poderia ser levado como uma profissão”, destacou.

Vestido sempre de maneira lúdica para dar vida às personagens, o ex-aluno explica que os contos têm origem em diversos livros da literatura brasileira e estrangeira. “Sempre procuro dar a minha interpretação para as histórias. Recebo relatos de famílias que acompanham o meu trabalho que me deixam muito realizado”.

A paixão de Lucas pela Pedagogia mostrou sinais em uma edição da tradicional feira de profissões organizada pelo Centro Universitário de Votuporanga: a Mostra UNIFEV, oportunidade em que ele pôde conhecer os laboratórios e professores do curso. “Ao término do Ensino Médio ingressei na graduação e foi amor à primeira vista. Tudo contribuiu para que eu amasse cada vez mais a profissão. Sem dúvidas, trabalhar com crianças me faz ter esperança no mundo em que vivemos. Agradeço muito ao corpo docente e às experiências vividas durante o período como estagiário do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid)”, finalizou.

Para acompanhar as transmissões, basta acessar aos canais do egresso no IGTV do Instagram (@quintaldehistorias) e pelo YouTube (Quintal de Histórias), com novos conteúdos postados a cada semana.

Continuar Lendo

Destaques

Banda “Velho de War” traz muito rock para sexta-feira

Live em prol da Santa Casa será transmitida pela TV Unifev, a partir das 19h

Quem disse que só de sertanejo sobrevive uma live? Depois do samba do grupo “Os Partideiros”, da última semana, o projeto Rádio e TV Unifev nas Lives em prol da Santa Casa de Votuporanga traz agora o rock´n´roll da banda “Velho de War”. O grupo se apresenta nesta sexta-feira (5/6), a partir das 19 horas, com muitos sucessos nacionais e internacionais visando arrecadar doações para o Hospital, referência para 53 cidades.

A transmissão ao vivo será pela TV Unifev e também pelo youtube.com.br/tvunifev2, além do facebook da emissora.

O integrante da banda e vocalista, Sergio Kamiyama, ressaltou da importância da ação. “Para nós, é uma honra fazer parte desta iniciativa. Nossa relação com a Rádio e TV Unifev é muito antiga. Eu tinha uma banda que se chamava “Senhor Pestana”, no início de 2000, e gravamos uma vinheta com a emissora. Estivemos em vários programas com a formação da “Velho de War”, com muita amizade”, disse.

Ele adiantou sobre o repertório. “Será muito especial, queremos tocar os clássicos do rock, pop, como “Kiss”, “Journey”, “Creedence”, além de “Legião Urbana”, “Paralamas do Sucesso”, “Titãs” e muito mais”, complementou.
Sergio contou que esta será a primeira live de toda banda reunida. “Já fizemos algumas apresentações individuais para entidades da região. A satisfação é imensa de colaborar com a Santa Casa de Votuporanga, sabemos de sua importância principalmente no momento de pandemia do Coronavírus (COVID-19). Sabemos que no Brasil a saúde sofre e a população tem que sempre se mobilizar em prol dos Hospitais”, afirmou.

O provedor da Instituição, Luiz Fernando Góes Liévana, agradeceu a iniciativa. “Mais uma programação especial para esta sexta-feira. Pude acompanhar “Os Partideiros” na sexta-feira passada e quis agradecer pessoalmente cada músico, que se dedicou a este lindo projeto. Agradeço a Rádio e TV Unifev pela parceria, pela iniciativa. Nossa demanda não para de crescer e quem quiser colaborar com a Instituição, estará beneficiando nossos pacientes”, frisou.

Ao longo das transmissões, o público de casa poderá fazer doações em dinheiro por meio de um código QR Code. As lives serão transmitidas pela TV Unifev (canal 53), pelo canal do Youtube (Rádio e TV Unifev) e pelo Facebook (fb.com/radioetvunifev). O projeto tem o apoio da Unifev, Colégio Unifev, LOF Professional, Marão Seguros, A Joia e Porecatu Supermercados.

Sobre a banda
O início foi em 2006. O nome surgiu de uma brincadeira. Os músicos já haviam passado por várias bandas. “Então falávamos em tom de brincadeira que todos eram velhos de guerra. Aí colocamos o ”war ” porque soava bem”, explicou.

A formação é: Sergio Kamiyama – Guitarra, violão e voz; Ronaldo Thomé – violão e voz e Eduardo Pessotta – Bateria e percussão.

Continuar Lendo

Populares

Covid-19 em Votuporanga-SP

Acompanhe a situação do Coronavírus em Tempo Real -24h