Saev Ambiental realiza fiscalização ambiental em Votuporanga

Responsável pelo meio ambiente e por fiscalizar o descarte de resíduos sólidos em Votuporanga, a Saev Ambiental trabalha para garantir uma cidade limpa e uma população mais consciente. Há um mês a Autarquia realiza um trabalho que fiscaliza e coleta materiais descartados irregularmente em calçadas, ruas e terrenos.

A iniciativa, que ainda está em fase de testes, procura conscientizar os moradores sobre os riscos de jogar lixo em locais inadequados, já que Votuporanga tem três pontos do Ecotudo.

Segundo o Departamento de Meio Ambiente da superintendência, a ação já notificou 194 casos em que materiais como móveis velhos, lixo eletrônico, eletrodomésticos, madeiras, lixo recicláveis e vários outros resíduos domiciliares são jogados em lugares proibidos.

Serviço é feito por duas equipes da Saev Ambiental, que percorre as ruas da cidade em duas viaturas, que fazendo a fiscalização e coleta imediata do lixo reciclado que será levado para a cooperativa Coopervinte (Cooperativa dos Catadores de Materiais Recicláveis de Votuporanga) e do lixo orgânico.

De acordo com o diretor do departamento de Meio Ambiente, Antonio Alberto Casali, a intenção não é multar, mas sim criar uma conscientização ecológica nos munícipes. “Ao localizar um caso de depósito irregular de lixo, em que não há identificação do infrator, a equipe emite um aviso de notificação à vizinhança, como ação inibitória e investigativa, para achar o responsável. No caso de identificação, o infrator será notificado para a retirada ou limpeza do material, sob pena das sanções da Lei Municipal nº 1.595, que pode implicar em multa”, ressaltou.

Ainda segundo Casali, as viaturas vão percorrer toda a cidade nos mesmos setores da coleta seletiva, realizada pela Coopervinte e da coleta de orgânicos, feito pela Converd, atual empresa responsável pela coleta dos resíduos, reforçando a fiscalização destes serviços.

Para o superintendente adjunto da Saev Ambiental, eng. Marcelo Marin Zeitune, o serviço é uma forma de identificar e reeducar quem descarta irregularmente; inibir os possíveis infratores e principalmente, que sejam reincidentes; aumentar a fiscalização dos serviços de coleta e diminuir o retrabalho de limpeza. “A cidade vai ficar mais limpa através da colaboração dos moradores, melhorar os índices de saúde, eliminando criadores de insetos e outros agentes biológicos; além de informar a população de como descartar corretamente o seu lixo”, comentou. 

As denúncias de casos de descarte irregulares podem ser feitas pelo 0800-7701950  da Saev Ambiental, ou pelo Meio Ambiente (17) 3405-9191.

Ecotudo

A Saev Ambiental disponibiliza a toda a população os serviços do Ecotudo, um espaço gratuito criado em parceria com a Prefeitura, para o recebimento de entulhos e resíduos domiciliares.

Atualmente a ação conta com três pontos de recebimento: o Ecotudo Sul, na antiga Algodoeira Matarazzo – Avenida Conde Francisco Matarazzo, esquina com Avenida Francisco Bueno Baeza (da Coacavo) – bairro Palmeiras I; Ecotudo Norte, fica na Av. Sete, 2440, paralela à Av. Jerônimo Figueira da Costa, no Distrito Industrial I, com placas de sinalização a partir da avenida Emílio Arroyo Hernandes; e o Ecotudo Oeste, fica no alto da vicinal Nelson Bolotário. Os dois primeiros pontos atendem das 8h às 20h, e o último, das 9h às 20h.

Os materiais que os Ecotudos recebem são resíduos da construção civil, sobras de poda de árvores e jardins, recicláveis, espuma de estofados, móveis velhos, tecidos e calçados; lixo eletrônico (baterias, sucata de computadores, pilhas, lâmpadas fluorescentes, etc.) e muito mais.

Para mais informações sobre o projeto é só entrar em contato com o setor de Meio Ambiente ou acessar o link http://saev.com.br/ecotudo-2/.

Similar Posts

%d bloggers like this: