Ligue-se a nós

Blog do Alexandre

Panorama Político – 02/08

Emenda
O vereador Chandelly Protetor deve apresentar uma emenda ao novo regimento da Câmara de Votuporanga que deve entrar em votação nas próximas semanas. Esta emenda sugere que não aconteça a apresentação de voto de congratulações em ano de eleições municipais.

Justificativa
“Em razão do número excessivo de homenagens, através de Votos de Congratulações estarem gerando diversas críticas pelos nossos cidadãos, inclusive nas redes sociais, entendendo ser necessário que essas possam ser limitadas” afirmou o vereador em sua justificativa.

Não para por aí
Não satisfeito, o vereador vai além, ele vai propor outra emenda no mesmo sentido, mas limitando as homenagens de Título de Cidadão e Insígnias de Honra ao Mérito por vereador. Chandelly quer que os vereadores possam apresentar somente duas homenagens por Legislatura.

Apoio
Nos bastidores, as duas emendas estão ganhando apoio de outros vereadores.

Abuso
Alguns vereadores abusam das homenagens, isso é evidente. Tem vereador em Votuporanga que tem até apelido sobre isso e não sabe.

Estratégia “eleitoreira”
As homenagens é uma ótima e eficiente “manobra eleitoreira”. Na terra dos mais humildes, homenagens podem significar mais votos nas próximas eleições. Os parentes e amigos do homenageado, tocados pelo ato honroso do nobre edil, podem “retribuir” o gesto com seu votinho, como diz o ditado: plantar para colher, quanto mais plantar, maior será a colheita.

Olhos abertos
Fiquemos de olhos abertos para a reação de alguns vereadores nos próximos dias quando essa notícia espalhar.

Outra emenda
Vou sugerir para o vereador Chandelly fazer mais uma emenda: proibindo os vereadores de cobrarem na justiça comum 13º e férias de legislaturas passadas. Só em Votuporanga, dois vereadores, segundo eles dentro da lei, requereram os direitos. Pode ser legal, mas é imoral. Estes imorais, são seres repugnantes da velha política, são como graxa, grudam na gestão pública e nunca mais saem. Enriquecem, privilegiam os amigos mais próximos e dão risada da cara do povo.

Blog do Alexandre

Panorama Político – Cassação de Dado é utopia em ano eleitoral

Pedido de Cassação
O servidor público e presidente do PTB local, Fabiano Rodrigues Perá, protocolou na tarde desta terça-feira (11/02) um documento pedindo a perda do mandato (cassação, mas o termo correto seria impeachment) do prefeito  de Votuporanga, João Dado. Como noticiado em primeira mão por este colunista, este possível pedido já estava previsto, após divulgação de um documento do IBAM, onde consta que a Câmara Municipal de Votuporanga, consultou o órgão sobre a legalidade da entrega da medalha “8 de agosto” aos vereadores que votaram favoráveis ao projeto de Lei 3/2020, que liberou R$20 milhões para obras na cidade. A homenagem, segundo o órgão, pode ter caracterizado “compra de votos e/ou infração ética”, servindo como base para tal pedido. 

Motivos do Pedido
Para o Gazeta de Votuporanga, o autor da denúncia afirmou “O primeiro motivo para a cassação, segundo as informações iniciais divulgadas à imprensa, envolveria a questão do 13º salário para agentes políticos, que segundo Fabiano, tem um parecer da Procuradoria Geral do Município determinando a ilegalidade. Ele também aponta como irregular a entrega de medalhas “8 de Agosto” realizada pelo prefeito para vereadores que votaram a favor de um projeto que libera R$ 20 milhões para a execução de obras no município. Por fim, destaca como terceiro motivo para a cassação o modo como a Prefeitura tratou o avanço da dengue em Votuporanga.” 

Clima
Apesar do clima tenso entre alguns vereadores e o Executivo neste ano, dificilmente os edils darão continuidade na admissibilidade da denúncia. Eu não li a denúncia e não tenho conhecimento do seu conteúdo, por isso, sobre legalidades e outras questões, posso comentar numa outra oportunidade.

Cenário Político
Trazendo o assunto para o cenário político e não das leis que o denunciado possa ter infringido, como já comentei acima, é muito improvável a maioria dos vereadores acatarem o pedido do servidor, isto porque seria um julgamento político. Nos bastidores, após algumas ligações e mensagens, o placar parece favorável ao Prefeito João Dado e não deve passar de uma utopia de ano eleitoral. 

Reeleição
Ainda é cedo para falar na reeleição de Dado, mas se ele não contornar esta crise com a Câmara Municipal, ficará complicado conseguir aliados para disputar o pleito.

Continue Lendo

Blog do Alexandre

Panorama Político – Aspirador de Mosquito

Partido Solidariedade tem nova diretoria
O Solidariedade, ex-partido do prefeito João Dado e de alguns vereadores eleitos, tem nova diretoria em Votuporanga. Agora, a presidente do partido é a Profª Cleide Garcia.

Eleições 2020
Segundo informações que chegaram a este colunista, o partido pode apoiar o pré-candidato a prefeito, o vereador Dr. Hery.

SD
O presidente estadual do Solidariedade é o Deputado Estadual Alexandre Pereira. Nas últimas eleições, ele teve míseros 16 votos em Votuporanga. O presidente nacional é o conhecido Deputado Federal Paulinho da Força, ele já esteve em Votuporanga e nas últimas eleições conquistou “só” 99 votos na cidade.

Baixo desempenho
O baixo desempenho nas últimas eleições em Votuporanga, pode ter sido o estopim das mudanças nas estruturas do partido. Quem achou que era um bom cabo eleitoral, se enganou feio hein….

Falando em pré-candidatos
Poderemos ter um recorde de candidatos em Votuporanga nestas eleições, pelo menos de vereadores. Isso porque muitos partidos que estavam “abandonados” estão sendo reativados.

Dengue
Foi divulgado na tarde desta quarta-feira (29), segundo o site Gazeta de Votuporanga, o número atualizado de casos de dengue na cidade: 1.043 casos positivos. Este número deve subir muito ainda, isto porque há 2.559 notificações e 1.639 pessoas ainda aguardam os resultados.

Charge Folha Regional

Aspirador de Mosquito
Um aspirador de mosquito agora vai ser usado no combate à dengue em Votuporanga. Eu prefiro as raquetes elétricas, são mais baratas e mais eficientes. Precisamos de um aspirador de políticos ruins, mas este só com nosso voto. 

Para não perder a graça, aprenda com a ex-presidenta Dilma uma aula sobre a Dengue. 

Continue Lendo

Blog do Alexandre

Panorama Político – Áudio Vazado

Críticas
“É muita ingratidão” afirmou uma pessoa próxima ao prefeito João Dado, ao saber do vazamento de um áudio do ex-secretário Serginho, com fortes críticas ao Prefeito e a Secretária da Saúde.

Voz ativa
Serginho da Farmácia, na minha opinião, foi um dos melhores presidentes que a Câmara de Votuporanga já teve, assim como o vereador Osmair Ferrari. Apoiador incondicional deste jornal e da liberdade de imprensa, ele tem voz ativa com a população.

Cadê os aliados?
Assim como outros vereadores, Serginho deve ter cansado da forma que vem sendo tratado pelo Executivo. Aliás, o Prefeito João Dado precisa melhorar muita a relação Executivo x Legislativo, que anda meio “abalada” para não perder mais aliados.

Ano Eleitoral
Como este ano é um ano eleitoral, os vereadores devem ter condutas específicas e tomar cuidado para não infringir a lei. Foi publicado nesta sexta-feira (24) no Diário Oficial do Município, um conjunto de condutas que devem ser respeitadas pelos vereadores de Votuporanga. Confira abaixo o Ato publicado pelo presidente da Casa, o vereador Meidão.

Pronunciamentos
Art. 1º Fica vedada a utilização das Sessões Ordinárias, Extraordinárias e Solenes, bem como Audiências Públicas e reuniões oficiais promovidas pela Câmara Municipal para qualquer tipo de pronunciamento ou manifestação que faça alusão à promoção de pré-candidatos ou candidatos a cargos eletivos em ano de eleições.

Proibido reuniões de partidos
 Art. 2º As dependências da Câmara Municipal não poderão ser utilizadas para reuniões de partidos políticos.

Utilizar a estrutura da Câmara para fins eleitorais
Art. 3º Fica vedado o uso de bens móveis, materiais ou serviços custeados pela Câmara Municipal como telefone fixo, celulares, pacote de dados dos celulares, computadores, internet, e-mail institucional, veículos oficiais, impressoras, xérox, correspondência oficial e ainda, Servidores Públicos e Voluntários de Vereadores que atuam nos Gabinetes, para atividades com finalidades eleitorais ou que excedam as prerrogativas parlamentares consignadas na Lei Orgânica e no Regimento Interno.

Sessões pela TV ou online só até dia 29 de junho
Art. 4º As transmissões das Sessões Ordinárias, Extraordinárias e Solenes via internet e televisão serão suspensas a partir de 30 de junho do ano em que ocorrer a eleição até o dia posterior à realização do último dia de votação no Município.  Art. 5º Qualquer infração as disposições contidas neste ato e na legislação eleitoral serão encaminhadas aos órgãos competentes para as providências cabíveis, sem prejuízo

Sessões
As sessões da Câmara retornam nesta segunda-feira (27), para a alegria de muitos e a tristeza de alguns, estarei junto com minha equipe da Folha Regional fazendo a cobertura de todas as sessões do ano.

Entrevistas
Vou começar uma série de entrevistas na próxima semana. O nosso primeiro entrevistado será um grande político que esteve à frente de uma das secretarias que tem mais visibilidade com o público. Aguarde!

Continue Lendo

POPULARES