Folha Regional

Ortopedia da Santa Casa de Votuporanga fecha 2018 com mais de 8 mil atendimentos

Deste total, aproximadamente 90% foram via Sistema Único de Saúde (SUS)

O Ambulatório de Ortopedia da Santa Casa de Votuporanga, há anos, assiste pacientes da especialidade com muita humanização. A unidade fechou 2018 com o total de 8.394 atendimentos, onde 7.117 foram para usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), beneficiando vítimas de acidentes e traumas.

A unidade conta com seis médicos: Dr. Onildo José da Silveira (coordenador), Dr. Fred Webb, Dr. Paulo Torres, Dr. Wagner Campoli, Dr. Lucas Arroyo Marchi e Dr. Daniel Brito, além de oito profissionais técnicos em gesso. “Somos responsáveis por todas as imobilizações realizadas em clientes do ambulatório, unidades de internação, urgência e emergência e trocas das imobilizações”, contou o coordenador, Clóvis Dias (técnico em gesso).

Clóvis explicou que o Ambulatório realiza consultas de vítimas de acidentes automobilísticos, de trabalho ou residenciais. “São pessoas que passam pela Urgência da Santa Casa ou pela Unidade de Pronto Atendimento (UPA) e são encaminhadas. Somos responsáveis pelo pós-operatório de clientes traumato-ortopédicos e cirurgias eletivas ortopédicas de alta complexidade do Ambulatório Médico de Especialidades (AME)”, ressaltou.

Os atendimentos são pré-agendados e com horário marcado, de segunda a sexta-feira em horário comercial.  “Assistimos toda região de Votuporanga, que compreende as cidades de Valentim Gentil, Nhandeara, Cosmorama, Parisi, Sebastianópolis, Cardoso, General Salgado, Álvares Florence e Américo de Campos, uma população estimada em 200 mil habitantes”, frisou.

O Ambulatório de Ortopedia da Santa Casa teve seu início em 1968, com a chegada do Dr. Adolfo de Melo, que teve como ajudante o técnico em gesso o conhecido Dito Gibim. “Eles realizavam atendimentos de clientes da urgência INAMPS, equivalente hoje em dia ao SUS. Na sequência, recebeu novos profissionais médicos, o Dr. Milton de Melo e Dr. Florindo. Em meados dos anos 90, chegaram os ortopedistas, Dr João Damasceno, Fred Webb e Fabio Caparroz”, relembrou.

O provedor Luiz Fernando Góes Liévana enalteceu o serviço. “É muito importante para Votuporanga e região, principalmente por auxiliar os pacientes na recuperação ortopédica, visto que a demanda é cada vez maior. Em 2015, entregamos o Ambulatório, espaço específico para tal atendimento e que trouxe mais conforto e humanização. Temos muito orgulho do trabalho de vocês”, finalizou.


Deixe seu comentário

Da Redação

Follow us

Don't be shy, get in touch. We love meeting interesting people and making new friends.

Most popular