Junte-se a mais de 5000 leitores inteligentes e receba a Edição Diária do Jornal Folha Regional no seu e-mail (é grátis)

Respeitamos sua privacidade. Você está 100% seguro! Após enviar, você precisará confirmar no seu e-mail a assinatura.

Destaques

Equipe da Auditoria do Hospital esteve neste mês no 17º AUDHOSP e 3º AUDHASS, em Atibaia

Foto: Assessoria de Comunicação

A Santa Casa de Votuporanga incentiva a qualificação dos colaboradores, visando sempre a atualização do conhecimento e, consequentemente, melhoria constante dos atendimentos. A equipe do Faturamento do Hospital participou do 17º AUDHOSP e 3º AUDHASS – Congresso nacional de Auditoria Sistema Único de Saúde (SUS) e Saúde Suplementar.

Com o tema “Não controlamos o vento, mas podemos ajustar as velas”, o evento ocorreu de 11 a 14 deste mês, em Atibaia. Estiveram presentes a gerente de Faturamento, Daniella Vila Falchi, e as auditoras Ingridy Caineli de Lima Silva, Tamires Nunes da Silva Albertini e Lucimara Lechado Dona.

O Congresso contribuiu para o aprimoramento dos profissionais dos serviços de saúde atuantes nas áreas relacionadas à Gestão de Qualidade, Faturamento, Controle, Avaliação e Auditoria.  Ofereceu aos participantes uma oportunidade real de aumentar a rede de contatos e aprofundar tais relacionamentos, entre gestores e prestadores, que é de vital importância para as instituições de saúde.

O evento foi voltado para a qualidade de atendimento hospitalar muito além da acreditação e a importância da recepção no processo de faturamento e para SUS voltado para CMD – Conjunto Mínimo de Dados, que breve será o novo sistema de informações para o Ministério da Saúde.

Daniella Falchi ressaltou a importância de participar do congresso. “Além do conhecimento técnico é muito importante conviver e trocar experiências com diversos gestores de diferentes cidades e Estados. Tivemos a oportunidade de absorver as melhores experiências com a riqueza de conteúdo hospitalar Sistema Único de Saúde (SUS) e na Saúde Suplementar”, contou.

Ela analisou o cenário nacional. “Mesmo diante de todas as dificuldades, observamos um núcleo comum entre todas as instituições seja SUS e/ou Saúde Suplementar voltado exatamente para oferecer acesso e qualidade em ações de serviços em saúde para a população. Sentimos o privilégio de participar de um Congresso rico em conhecimentos e experiências e voltamos com energia renovada para colocar em prática adaptada a nossa realidade toda troca de experiência e conhecimento na área da auditoria e faturamento”, complementou.

O provedor da Santa Casa, Luiz Fernando Góes Liévana, ressaltou que o Congresso trouxe grande aprendizado. “Estimulamos a participação em eventos profissionais para que, assim, possamos estar atentos aos novos procedimentos, materiais, processos, visando sempre o nosso paciente”, finalizou.

 

Deixe seu comentário