Ligue-se a nós
[adrotate group="1"]

Bazar do Bem recebe artesanato de Cardoso

Grupo de voluntárias entregou 40 peças, que serão comercializadas com renda revertida para a Santa Casa

A solidariedade não tem limites e nem fronteiras. Doar é se dedicar ao outro, com empatia e amor. O grupo “Amigas Solidárias do Bem” saiu de Cardoso com destino certo: Votuporanga, mais precisamente, o Bazar do Bem da Santa Casa.

As voluntárias da cidade vizinha entregaram 40 peças de artesanato, produzidas com muito carinho e talento. Entre os itens, panos de prato, toalha de banho, toalha de mesa, caminho de mesa, jogos de tapetes, etc.

Cleuza Catelan de Souza é idealizadora do projeto, que conta com 25 participantes. “Somos aproximadamente 25 mulheres, entre as que comparecem e as que fazem em casa. Nos reunimos às quintas-feiras, das 14h às 17h, em minha residência. Além do trabalho realizado, umas ensinam as outras, batemos um papinho agradável de autoajuda, rezamos para alguém necessitado, tomamos cafezinho, nos abraçamos…Todos os dias é uma festa”, disse.

Ela destacou que o grupo foi criado, à princípio para ajudar o Hospital do Câncer. “Achamos que deveríamos ajudar também o Bazar do Bem de Votuporanga. Temos a consciência do grande número de pacientes de Cardoso que usam o Hospital”, complementou.

A presidente do Bazar, Carla Angélica Candido, agradeceu a doação. “Ficamos muito felizes em receber essa contribuição tão especial. Estas voluntárias representam o amor ao próximo, dedicando seus afazeres em beneficiar pacientes não apenas de sua cidade, mas de 53 municípios que são atendidos pela Instituição. Nosso muito obrigada”, afirmou.

O Bazar do Bem comercializa diversos produtos, tanto novos, quanto usados, que são adquiridos por meio de doações. Na loja é possível encontrar toalhas, guardanapos, roupas, sapatos, produtos de higiene, artesanato, brinquedos, entre outros itens, a preços populares.

O provedor da Santa Casa, Luiz Fernando Góes Liévana, ressaltou a importância da loja para a Instituição. “Desde 2014, elas nos ajudam a melhorar os atendimentos dos pacientes do SUS. Conquistamos poltronas, enxovais para maternidade, lençóis, cobertores e até mesmo um aparelho para a UTI geral.

O prédio está localizado no cruzamento da avenida da Saudade com a rua Minas Gerais. Funciona de segunda a sexta-feira, das 9 às 12h e das 14 às 17h. Mais informações podem ser obtidas no setor de Captação de Recursos, no telefone (17) 3405 9139.

Anúncio

Votuporanga

Prefeitura envia novo projeto de lei sobre suspensão temporária de contribuição previdenciária

Nova redação do projeto se deu em virtude de apontamento verbal por funcionário da Câmara, após abertura da sessão extraordinária nesta quinta-feira (2/7)

A Prefeitura de Votuporanga enviou novo projeto de lei à Câmara Municipal que dispõe sobre a suspensão temporária da contribuição previdenciária patronal, bem como da celebração de termo de acordo de parcelamento, junto ao Regime Próprio de Previdência Social do Município de Votuporanga/SP, de que trata da Lei Complementar Federal nº 173, de 27 de maio de 2020.

A nova redação do projeto se deu em virtude de apontamento verbal por funcionário Câmara, após abertura da sessão extraordinária, ficando o entendimento de reprovação coletiva do projeto anterior para envio de novo projeto.

A medida se faz necessária em decorrência da queda brusca de arrecadações de tributos e receitas importantes para o Município como, por exemplo, ISS, FPM, entre outras, devido aos efeitos da pandemia de Covid-19. Somente em junho de 2020, a perda de FPM e ISS em relação a 2019, atinge a cifra de R$ 1,2 milhão, e no ano de 2020, de janeiro a junho, as perdas globais alcançam R$ 5,7 milhões.

Lei Federal possibilita suspensão do pagamento 

Diante desse cenário grave e diante das incertezas que pairam, faz-se necessária a adoção de medidas imediatas, em consonância com a previsão já aprovada pela Lei Complementar Federal nº 173, de 27 de maio de 2020, que “Estabelece o Programa Federativo de Enfrentamento ao Coronavirus SARS-CoV-3 (COVID-19) e altera a Lei Complementar nº101, de 04 de maio de 2000 e dá outras providências”, que possibilita a suspensão do pagamento e o parcelamento da contribuição previdenciária patronal ao regime próprio de previdência social:

“Art. 9º Ficam suspensos, na forma do regulamento, os pagamentos dos refinanciamentos de dívidas dos Municípios com a Previdência Social com vencimento entre 1º de março e 31 de dezembro de 2020. (…) § 2º A suspensão de que trata este artigo se estende ao recolhimento das contribuições previdenciárias patronais dos Municípios devidas aos respectivos regimes próprios, desde que autorizada por lei municipal específica”.

Desta forma, a medida proposta irá preservar a subsistência do Ente público municipal diante da crise financeira instaurada, preservando empregos e atividades econômicas afetadas pela pandemia do Coronavírus.

O valor total abrangido pela suspensão, e que será objeto de parcelamento, será utilizado no custeio da folha de pagamento dos servidores durante o exercício de 2020. Ressalta-se que não haverá qualquer prejuízo aos segurados do Instituto de Previdência. A recomposição será atualizada pelo INPC e por juros de 0,5% (meio por cento) ao mês, além do fato de que o parcelamento será garantido pelas receitas do FPM sendo que eventuais insuficiências financeiras do regime próprio serão cobertas pelo Município.

Entenda o projeto

O projeto de lei autoriza Poder Executivo a suspender o pagamento das contribuições previdenciárias patronais normais, à alíquota de 14%, do Município de Votuporanga/SP, relativo às competências dos meses de junho a dezembro de 2020, nos termos da Lei Complementar Federal nº 173, de 28 de maio de 2020 e Portaria nº 14.816, de 19 de junho de 2020 do Ministério da Economia/Secretaria Especial de Previdência e Trabalho.

Importante destacar que o valor do Termo de Acordo somente será apurado por ocasião de sua assinatura, em decorrência de exonerações, aposentadorias, ingressos na reposição de servidores, substituições e outras ocorrências de recursos humanos, e conforme demonstrativo elaborado pela Votuprev, o valor estimado do Termo de Acordo será de aproximadamente R$6.170.265,81, podendo sofrer variações para maior ou para menor, conforme ocorrência nos recursos humanos.

O montante devido poderá ser parcelado em até 60 prestações mensais, iguais e sucessivas, e será objeto de termo de acordo de parcelamento. Para apuração do montante devido referente às contribuições suspensas, serão considerados os valores originais atualizados pelo Índice Nacional de Preço ao Consumidor Amplo (IPCA), acrescidos de juros compostos de 0,50% ao mês, acumulados desde a data de vencimento original da contribuição suspensa, até a data da assinatura de termo de acordo de parcelamento, dispensada a multa.

Continuar Lendo

Votuporanga

Jorge Seba confirma pré-candidatura à Prefeitura de Votuporanga

O arquiteto e urbanista Jorge Seba lançou seu nome como pré-candidato à Prefeitura de Votuporanga na tarde desta sexta-feira (19). A eleição está prevista para ocorrer no final do ano, mas ainda depende de uma decisão federal.

“Estou colocando o meu nome à disposição como pré-candidato a prefeito. Por 25 anos, trabalhei por Votuporanga na administração pública, como secretário de Obras e Planejamento. Ao lado do ex-prefeito Junior Marão, conduzimos o maior programa habitacional da nossa história com a entrega de mais de 2 mil casas. A experiência adquirida nesses anos e o fato de ter trabalhado com prefeitos distintos, na forma de pensar e governar, me mostram o que fazer e como fazer; e também o que não deve ser feito. Sinto-me preparado para encarar os desafios e encontrar novos caminhos que garantam um futuro melhor para todos”, afirmou.

Formado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de Brasília (UnB) e Mestrado em Planejamento Urbano, Rural e Regional na Universidade de Taubaté/SP

Confira o vídeo na íntegra

Jorge Seba

Estou colocando o meu nome à disposição como pré-candidato a prefeito. Por 25 anos, trabalhei por Votuporanga na administração pública, como secretário de Obras e Planejamento. Ao lado do ex-prefeito Junior Marão, conduzimos o maior programa habitacional da nossa história com a entrega de mais de 2 mil casas. A experiência adquirida nesses anos e o fato de ter trabalhado com prefeitos distintos, na forma de pensar e governar, me mostram o que fazer e como fazer; e também o que não deve ser feito. Sinto-me preparado para encarar os desafios e encontrar novos caminhos que garantam um futuro melhor para todos.

Posted by Jorge Seba on Friday, June 19, 2020

Continuar Lendo

Votuporanga

UNIFEV realizará sua primeira colação de grau on-line

Cerimônia será para os formandos da terceira turma do curso de Medicina; evento ocorrerá na plataforma Teams, na próxima terça (dia 23)

Pela primeira vez em 54 anos, a UNIFEV realizará uma colação de grau de forma totalmente on-line. Em tempos de pandemia e isolamento social, os alunos da terceira turma do curso de Medicina serão os formandos da cerimônia, que ocorrerá na próxima terça-feira (dia 23), na plataforma Teams.

De acordo com o Reitor do Centro Universitário, Prof. Dr. Osvaldo Gastaldon, o formato foi a solução encontrada pela Instituição para que os alunos possam colar grau de forma conjunta, ainda que em tempos de distanciamento e proibição de eventos públicos.

“Entendemos que não é a situação ideal. Gostaríamos muito de estar junto aos nossos formandos e familiares num momento tão especial, mas temos que nos adaptar a esses novos tempos. É um modelo novo, com o qual também queremos aprender”, afirmou.

Segundo a coordenadora-adjunta do curso de Medicina, Profa. Ma. Marlene Moraes Rosa Chinelato, a Instituição se sente honrada em formar profissionais competentes na atual circunstância.

“Um dos diferenciais do curso de Medicina da UNIFEV é a formação humanizada. Ao longo da graduação, nossos alunos são estimulados a sempre prezar pelo contato direto com o outro, trabalhando com muita empatia e colocando o bem-estar do paciente em primeiro lugar. Então, mais do que nunca, se faz necessária a inserção de médicos humanistas no mercado. Todo o corpo docente está sensibilizado e, também, muito orgulhoso”, completou.

Presencialmente, no Campus Centro, seguindo todas as recomendações sanitárias, participarão da cerimônia o Reitor da UNIFEV, acompanhado da Profa. Marlene e do coordenador de Medicina, Prof. Me. Mauro Esteves Hernandes.

A transmissão será acompanhada pelos formandos, cada um em suas casas, a partir das 10 horas.

Observação: fotos tiradas antes do período de isolamento social.

Continuar Lendo

Populares